Ao lado dos baixos níveis de aprendizagem, a evasão escolar constitui uma das mais maiores dificuldades do Ensino Médio. Segundo dados divulgados por uma pesquisa do Instituto Ayrton Senna e pelo Instituto de Ensino e pesquisa (INSPER), 2,8 milhões de jovens – com idades entre 15 e 17 anos - não se matricularam no início do ano letivo de 2018.

Esse dado corresponde a 27% de possíveis alunos, entre os 10 milhões de jovens nessa faixa etária que deveria frequentar a escola. Além de todos os problemas que isso provoca no futuro desses jovens e para o país, a evasão e abandono escolar também implicam em prejuízo econômico de R$ 35 bilhões por ano aos cofres públicos.

Quando o aluno abandona a escola, o valor do custo sobe já que, segundo o estudo, o jovem fica mais suscetível a problemas com violência e de saúde quando está fora do ambiente escolar. O estudo também identifica algumas razões para o desengajamento dos estudantes. Entre os fatores estão: falta de interesse, qualidade do ensino, clima do ambiente escolar e a baixa resiliência emocional.

Uma proposta didática adequada aos jovens pode contribuir para que a evasão escolar diminua. “De modo geral, essa evasão, principalmente na fase do ensino médio, acontece porque os jovens de hoje em dia pensam diferente. Eles gostam de movimento, de mudança, por isso investir em uma didática mais lúdica e que insira materiais tecnológicos pode ser uma solução para esse problema”, explica Osvaldo Martin, coordenador pedagógico do Colégio Vilas, uma das 18 mil instituições parceiras do Educa Mais Brasil, maior programa de inclusão educacional do país.

Para reverter o quadro, o estudo propõe a criação de políticas públicas para diminuir o desengajamento como a garantia de acesso às escolas, principalmente para aqueles que vivem em áreas rurais ou que têm alguma deficiência, um sistema de aconselhamento, flexibilização dos horários das aulas e do modelo de avaliação.


Autora fala sobre tese premiada sobre letramento científico

Andriele Ferreira Muri comparou o resultado de avaliações de ensino entre Japão e Brasil para descobrir o que torna o país asiático um destaque

Nordestina tira nota 1000 na redação do Enem

Estudante foi mais uma piauiense que conquistou a nota mil na prova. Mariana Oliveira foi a segunda piauiense, dentre os 55 candidatos do país, a

Enem 2018: Veja como consultar a sua nota

Resultado dos treineiros só será divulgado no dia 18 de março. As notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 foram divulgadas na

Apartir desta terça (22) começam as matrículas na rede estadual de

Começa na próxima terça-feira (22), e prossegue até o dia 29 deste mês, a matrícula para o ano letivo 2019 da rede estadual de ensino. O

Resultado do Enem 2018 inspira memes nas redes sociais

Notas foram divulgadas pelo Inep pouco depois das 8h desta sexta-feira (18) As notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2018 foram

Aprenda a comparar diferentes fundos de investimento e sua

A tomada de decisão de investir é um passo fundamental para a saúde financeira de qualquer pessoa. Mas, mais importante que isso, é

Concurso para professores na Bahia foi o primeiro com regime de 40h

O concurso para educadores da rede estadual, cujas nomeações foram publicadas nessa quarta-feira (16), no Diário Oficial, foi o primeiro realizado

Asteroide passa próximo da Terra

Nasa registrou o 2019 AG3, com tamanho comparável ao de um avião, a uma distância de 4,9 milhões de quilômetros do planeta O asteroide 2019

As Notas do Enem serão divulgadas nesta sexta

Nesta sexta-feira, 18, mais de 4,1 milhões de estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no ano passado terão acesso às notas

Após golpe na cabeça homem vira um gênio da matemática

Jason Padgett com visual dos anos 80: 'Aquele estereótipo do idiota que você vê entrando em um bar... Este era eu' Foi literalmente um golpe

UAI Brasil
O teixeirão 2018
Connect Informática
Nossos Apoiadores: