Lista tem dirigentes, ex-jogadores de futebol e atletas de outras modalidades

Vários candidatos ligados ao esporte concorreram nas eleições gerais de 2018. A lista contempla ex-jogadores de futebol, ex-atletas de modalidades especializadas e também dirigentes de clubes.

Em Minas Gerais, o deputado estadual João Leite (PSDB), ex-goleiro do Atlético, teve 56.298 votos e conseguiu se eleger para a sétima legislatura. Já o 2º vice-presidente do Cruzeiro, Ronaldo Granata (Podemos), recebeu somente 9.907 votos.

Integrante do conselho de administração do América, Anderson Racilan concorreu a uma vaga na Câmara dos Deputados pelo PV, porém recebeu apenas 9.757 votos. Já o ex-presidente do Coelho, Alencar da Silveira Júnior (PDT), ganhou para deputado estadual, com 54.302 votos.

Fora de Minas, o senador Romário (Podemos), ídolo do Vasco e do Flamengo e destaque da Seleção Brasileira campeã do mundo em 1994, ficou na quarta colocação na disputa pelo governo do Rio de Janeiro, com 661.493 votos válidos (8,70%). Parceiro de Romário no ataque do tetra, Bebeto (Podemos) foi escolhido por 25.917 eleitores para deputado estadual no Rio.

Em São Paulo, o ex-meia do Corinthians, Marcelinho Carioca, concorreu a deputado estadual pelo Podemos e obteve 28.463 votos. Seu antigo colega de elenco no Timão, o ex-atacante Luizão tentou uma cadeira na Câmara dos Deputados pelo PRB e ganhou somente 14.208 votos. Já o ex-lateral-direito Zé Carlos, reserva da Seleção na Copa do Mundo de 1998, contabilizou 6.325 votos e ficou na 407ª posição.

No Rio Grande do Sul, o ex-goleiro Danrlei (PSD), ídolo do Grêmio e com passagem pelo Atlético, foi eleito pela terceira vez consecutiva deputado federal, com 102.662 votos. O ex-judoca João Derly, medalhista de ouro no Campeonato Mundial de 2005 e nos Jogos Pan-Americanos de 2007, ficou em 35º, com 52.040 votos, e não assegurou a reeleição. De volta ao futebol, o ex-goleiro Galatto, com passagem de destaque pelo Grêmio, recebeu 37.466 votos para deputado federal (PPS), ficando fora até mesmo em uma possível vaga de suplente por causa do quociente eleitoral da coligação de seu partido.

Em Brasília, a ex-jogadora de vôlei Leila obteve 17,76% votos válidos (467.787) e é a primeira senadora eleita no Distrito Federal. O também ex-jogador de vôlei Dante, campeão olímpico com a Seleção Brasileira em 2004, foi a opção de 26.507 eleitores em Goiás, mas ficará apenas como suplente caso haja alguma renúncia.

Suplentes

O ex-presidente do Atlético, Daniel Nepomuceno, foi o primeiro suplente de Fábio Cherem, candidato do PDT ao Senado em Minas Gerais. Com 899.824 votos, ele ficou na quinta posição geral.

Já Castellar Modesto Guimarães Neto, ex-presidente da Federação Mineira de Futebol e conselheiro do Atlético, é o primeiro suplente do jornalista Carlos Viana, eleito senador pelo PHS com 3.568.658 votos (20,22%).

Lista de candidatos com passado ligado ao esporte

João Leite (ex-goleiro do Atlético): candidato a deputado estadual em Minas Gerais pelo PSDB. Recebeu 56.298 votos e foi eleito na 40ª posição.

Alencar da Silveira Júnior (ex-presidente do América): candidato a deputado estadual em Minas Gerais pelo PDT. Recebeu 54.302 votos e foi eleito na 43ª posição.

Anderson Racilan (integrante do conselho de administração do América): candidato a deputado federal em Minas Gerais pelo PV. Recebeu 9.757 votos e não foi eleito. Ficou na 174ª posição.

Ronaldo Granata (vice-presidente do Cruzeiro): candidato a deputado federal em Minas Gerais pelo Podemos. Recebeu 9.907 votos e não foi eleito. Ficou na 171ª posição.

Romário (ex-atacante): candidato ao governo do Rio de Janeiro pelo Podemos. Ficou na quarta colocação na disputa pelo governo do Rio de Janeiro, com 661.493 votos.

Bebeto (ex-atacante): candidato a deputado estadual no Rio de Janeiro pelo Podemos. Recebeu 25.917 votos e foi eleito. Ficou na 54ª posição.

Marcelinho Carioca (ex-meia do Corinthians): candidato a deputado estadual em São Paulo pelo Podemos. Recebeu 28.487 votos e não foi eleito. Ficou na 167ª posição.

Luizão (ex-atacante de vários clubes): candidato a deputado federal em São Paulo pelo PRB. Recebeu 14.215 votos e não foi eleito. Ficou na 200ª posição.

Paulo Rink (ex-atacante do Atlético-PR): candidato a deputado estadual no Paraná pelo PRB. Recebeu 11.364 votos e não foi eleito. Ficou na 123ª posição.

Danrlei (ex-goleiro): candidato a deputado federal no Rio Grande do Sul pelo PSD. Recebeu 102.662 votos e foi eleito. Ficou na 13ª posição.

Zé Carlos (ex-lateral-direito): candidato a deputado federal em São Paulo pelo PR. Recebeu 6.326 votos e não foi eleito. Ficou na 407ª posição.

Eduardo Bandeira de Mello (presidente do Flamengo): candidato a deputado federal no Rio de Janeiro pela REDE. Recebeu 38.500 votos e não foi eleito. Ficou na 842ª posição, fora da lista de suplentes.

Galatto (ex-goleiro): candidato a deputado federal no Rio Grande do Sul pelo PPS. Recebeu 37.444 votos e não foi eleito. Ficou na 310ª posição, fora da lista de suplentes.

Tifanny Abreu (jogadora de vôlei): candidata a deputada federal em São Paulo pelo PMB. Recebeu 3.889 votos e não foi eleita. Ficou na 374ª posição.

Dante (ex-jogador de vôlei): candidato a deputado federal em Goiás pelo MDB. Recebeu 26.507 votos e não foi eleito. Ficou na 30ª posição.

Maurren Maggi (ex-saltadora): candidata ao senado em São Paulo pelo PSB. Recebeu 2.979.856 votos e não foi eleita. Ficou na quinta posição.

Rodrigão (ex-jogador de vôlei): candidato a deputado federal em São Paulo pelo PSDB. Recebeu 8.089 votos. Ficou na 268ª posição.

Leila (ex-jogadora de vôlei): candidata ao senado no Distrito Federal pelo PSB. Recebeu 467.787 votos. Ficou na primeira posição.

João Derly (ex-judoca): candidato a deputado federal no Rio Grande do Sul pela REDE. Recebeu 52.040 votos e não foi eleito. Ficou na 36ª posição

Fonte: Super Esportes


Tenista brasileiro é suspenso após investigação por corrupção

Número 1.270 do ranking mundial de simples e 247º nas duplas, Diego Matos foi suspenso provisoriamente após relatório de investigação comandada

Itapetinga sai na frente contra Itamaraju em jogo de ida

Com o campo pesado por causa das chuvas que caíram na região, Itapetinga venceu Itamaraju por 1 a 0, na tarde deste domingo (9), no primeiro jogo

Flamengo conquista seu primeiro título no League of Legends

Rubro-negro vence o Desafio CCXP, em São Paulo, e fecha temporada com troféu O Flamengo conquistou seu primeiro título no League of Legends

Copa do Mundo feminina: Brasil é sorteado para o grupo da Austrália

Seleção fica no grupo C, junto ao time da Oceania, responsável por eliminação das brasileiras em 2015. Brasil estreará em 9 de junho de 2019

Futebol: Atacante Tarciso morre aos 67 anos

Apelidado de 'Flecha Negra', atleta fez história no Tricolor gaúcho, período em que ganhou 5 Estaduais, 1 Brasileiro, 1 Libertadores e 1 Mundial

Mega-Sena acumula em R$ 12 milhões, o sorteio será nesta quinta

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 2.103 da Mega-Sena e o prêmio principal acumulou. O sorteio foi realizado nesta terça-feira,

Itamaraju vence nos pênaltis e está na final do Intermunicipal 2018

Itamaraju: Valendo uma vaga na grande final, a Seleção de Itamaraju enfrentou a Seleção de Santo Amaro na tarde deste domingo (02/12) no

Conmebol define que final da Libertadores

Partida de volta será disputada em dezembro, mas não tem local definido A Conmebol anunciou nesta terça-feira que a partida de volta da final

Zagueiro do Palmeiras xinga Sassá, do Cruzeiro, em festa do título

Luan não esqueceu da confusão entre Cruzeiro e Palmeiras na Copa do Brasil Os jogadores do Palmeiras comemoraram muito o título do Campeonato

Bahia perde para América-MG mas se mantém na Sul-Americana 2019

Mesmo com a derrota para o América-MG, por 1 a 0, na noite deste domingo, 25, o Esporte Clube Bahia já está matematicamente classificado para a

UAI Brasil
O teixeirão 2018
previcon
Connect Informática
Nossos Apoiadores: