O delegado da Polícia Civil de São José dos Pinhais, Amadeu Trevisan, declarou na última terça-feira que não houve tentativa de estupro por parte de Daniel Corrêa contra Cristiana Brittes , mulher do assassino confesso do jogador do São Paulo, Edison Brittes.

Segundo o delegado, essa foi a conclusão chegada pela polícia após ouvir novas testemunhas do caso no início desta semana. De acordo com Trevisan, nenhuma das testemunhas relatou ter ouvido os gritos de Cristiana, como foi relatado pela família Brittes, mas sim os berros do jogador enquanto era espancado.

"A versão da tentativa de estupro, nós estamos desconfigurando agora, com essas testemunhas, e bem como o arrombamento da porta também. Para nós, o Daniel simplesmente estava na cama", declarou Amadeu. "Não houve a tentativa de estupro, mesmo porque o Daniel estava com 13,4 decigramas de álcool no sangue. Então, ele estava muito embriagado, estava muito aquém de conseguir realizar algum estupro", avaliou.

Na última terça-feira, o delegado ouviu quatro testemunhas que estavam na festa de aniversário de Allana. A polícia revelou ainda que suspeitos de terem participado do crime por terem entrado no carro de Edison, além do próprio assassino confesso, serão ouvidos durante a semana.

Edison Brittes, a esposa Cristiana e a filha Allana segue presos de forma temporária por 30 dias. Na entrevista em que confirmou a autoria do crime, o empresário também afirma que ouviu gritos do quarto e ao abrir a porta se deparou com Daniel tentando abusar de sua esposa, fatos que foram confirmados nos depoimentos de Cristiana Brittes na última segunda-feira.

Na apuração preliminar do Instituto Médico-Legal (IML), divulgada pela Polícia Civil, Daniel foi espancado na casa da família Brittes e, depois, levado para um matagal, onde o corpo foi encontrado. A morte foi causada por ferimento por arma branca. O corpo do jogador foi velado e sepultado na última quarta-feira, em Conselheiro Lafaiate, em Minas Gerais, cidade da família do atleta.

Mineiro de Juiz de Fora, Daniel foi morto aos 24 anos. Revelado pelo Cruzeiro, o meio-campista foi contratado pelo São Paulo após se destacar no Botafogo. Também passou por Ponte Preta e Coritiba. Ele estava emprestado pelo clube tricolor paulista ao São Bento, que disputa a Série B do Campeonato Brasileiro.

Fonte: Gazeta Esportiva


TJ Dillashaw reclama de derrota e pede nova chance no UFC

  Henry Cejudo precisou de menos de um minuto para nocautear TJ Dillashaw na luta principal do UFC Brooklyn e manter o cinturão dos pesos-moscas

Corinthians estreia uniforme com três novas marcas

Corinthians terá novidades na camisa neste domingo: as marcas BMG, Help! e Joli O Corinthians divulgou no começo da tarde deste domingo (20) o

Ginastas se comovem com morte misteriosa de atleta de 17 anos

Jackelyne da Silva, que morreu na última quarta-feira (16), em São Paulo, teria sofrido duas convulsões e quadro de meningite não

Times vivem jejuns de títulos estaduais pelo Brasil

Dos grandes da 1ª divisão, São Paulo é um dos que está há mais tempo sem levantar a taça do Estadual. Última conquista do Tricolor foi em

Copa do Nordeste: Bahia estréia com empate diante do CRB

O pontapé inicial não foi dos melhores para o Bahia. Nesta quarta-feira, 16, na Arena Fonte Nova, os quase 20 mil tricolores que estiveram

Procura por cursos de iniciação ao tiro esportivo subiu 20%

Curso básico de tiro varia entre R$ 500 e R$ 720 na Bahia; confira lista Em seu primeiro dia de aula em um estande de tiros, o técnico em

Corinthians anunciará banco BMG como novo patrocinador

Segundo Lauro Jardim, de "O Globo", empresa estampará marca na parte da frente da camisa do Timão O Corinthians vai anunciar na quinta-feira o

'Só fui acordar na ambulância', diz jogador atingido por raio

'Só fui acordar na ambulância', diz jogador que desmaiou após ser atingido por raioFoto: Michael Sanches / Água Santa Passado o susto, o

Bahia confirma a contratação do zagueiro Ernando

No início da tarde desta terça-feira (15), o Bahia oficializou a contratação do zagueiro Ernando, ex-Goiás, Sport e Internacional. Com 30 anos

Mercado da bola já movimenta mais de R$ 23 bilhões em 2019

A temporada 2018-2019 já é a mais “gastona” do futebol na história! Até o momento, o mercado da bola europeu já movimentou € 5,3

UAI Brasil
O teixeirão 2018
Connect Informática
Nossos Apoiadores: