A carreira de David Ferrer no tênis está chegando ao fim. Na noite desta quarta-feira (madrugada de quinta no Brasil), o espanhol de 36 anos se despediu das quadras fora da Espanha com a sua eliminação nas oitavas de final do Torneio de Acapulco, um ATP 500 no México disputado em quadras rápidas, para o alemão Alexander Zverev, atual número 3 do mundo. Agora só jogará em casa no ATP 500 de Barcelona, em abril, e no Masters 1000 de Madri, em maio.

"Não sou perfeito, fui evoluindo com o tempo e fico feliz de deixar uma marca e ser um exemplo para os jovens. Este é um esporte que traz muitos valores, mostra que é preciso ter resistência para evoluir e é necessário aprender com cada derrota, aceitando que haverá bons e maus momentos", afirmou o tenista logo após a derrota para Zverev por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/0) e 6/1.

Ferrer saiu de quadra ovacionado pela torcida em Acapulco após uma breve cerimônia de reverência à sua carreira feita pela organização. "Foi um dia muito bonito. Acredito ter feito duas boas partidas e foi uma pena não aproveitar o 3/0 e 0-40 que tive no primeiro set porque contra jogadores tão bons você não tem muitas oportunidades depois que eles se recuperam", disse o veterano espanhol. "No segundo set acabei sentindo o esforço físico que fiz".

O tenista espanhol revelou ainda que seu título em Acapulco em 2016, já em quadras rápidas, foi muito especial. "Ganhei de (Kei) Nishikori na final e foi a mais especial das conquistas. É difícil explicar o sentimento que tenho agora, nunca poderei explicar essa emoção após receber tamanho carinho", completou Ferrer.

Fonte: Estadão Conteúdo


Jogos de hoje definem adversário do Brasil nas quartas de final

Seleção pode enfrentar Japão, Equador, Uruguai ou Paraguai As duas partidas de hoje (24) do grupo C definirão o adversário do Brasil nas

Brasil perde para a França e se despede da Copa do Mundo

A seleção brasileira perdeu para as anfitriãs por 2 a 1 na noite deste domingo (23) e está eliminada da Copa do Mundo da França. O time de

Barcelona impõe condições para o retorno de Neymar ao clube

O Barcelona impôs três condições para Neymar voltar ao clube. A primeira é a redução do salário de R$ 130 milhões (30 milhões de euros)

Ingressos adulterados para jogo do Brasil são apreendidos

Três ingressos para o jogo entre Brasil e Venezuela, realizado nesta terça-feira, 18, na Arena Fonte Nova, válido pela Copa América, foram

Tite comenta VAR que anulou dois gols do Brasil: 'Justiça'

Para técnico, Seleção sofreu com ansiedade e se precipitou contra a Venezuela O técnico Tite não lamentou a influência do VAR (auxiliar de

Marta diz que o jogo contra Itália é como 'vida ou morte'

A derrota de virada por 3 a 2 para a Austrália, na última quinta-feira, em Montpellier, pela segunda rodada do Grupo C do Mundial Feminino, já

Dono do PSG cobra Neymar: 'Ninguém o obrigou a assinar'

Dirigente não quer atletas popstar O presidente do Paris Saint-Germain, o xeque catariano Nasser Al Khelaifi, perdeu a paciência após mais uma

Tite afirma que seleção mereceu vaias durante estreia na Copa

O técnico Tite afirmou que a seleção brasileira mereceu receber vaias da torcida durante a partida desta sexta-feira contra a Bolívia, no

Brasil abre a Copa América contra a Bolívia no Morumbi

Jogar em casa, sem Neymar e há 12 anos sem título ampliam responsabilidade do time de Tite A seleção brasileira inicia nesta sexta-feira, 14,

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio de R$ 115 milhões

A Mega-Sena, que está acumulada pela 6ª vez consecutiva, sorteia neste sábado, 15, o prêmio de R$ 115 milhões, o segundo maior deste ano. O

Nossos Apoiadores: