O deputado federal Tiririca (PR-SP) subiu à tribuna da Câmara nesta quarta-feira (6) para fazer um discurso no qual disse estar com "vergonha" da política e, por isso, está "abandonando a vida pública". No discurso, o deputado não esclareceu se a afirmação significa que ele renunciará ou que deixará de disputar eleições. Procurada, a assessoria de Tiririca informou que ele não pretende mais se candidatar.

Tiririca foi o segundo deputado mais votado no país em 2014, com mais de um milhão de votos. "Subo nesta tribuna pela primeira vez e pela última vez, não por morte, [mas] porque estou abandonando a vida pública", disse.

O deputado também acrescentou: "É triste e o que vi nesses sete anos, saio totalmente com vergonha, não vou generalizar, não são todos, tem gente boa como em qualquer profissão". Este foi o primeiro discurso de Tiririca desde que ele foi eleito pela primeira vez, em 2010.

Assiduidade: Tiririca ressaltou ainda ser, segundo ele, um dos deputados mais assíduos na Câmara. No discurso, ele afirmou não ter feito "muita coisa", mas atribuiu isso à "mecânica louca" do Congresso Nacional.

"Estou saindo triste para caramba, estou muito chateado, muito chateado mesmo com a nossa política, com o nosso parlamento. Eu, como artista popular que sou e político que estou, estou bem chateado. Não com os meus sete anos aqui na política. Não fiz muita coisa, mas, pelo menos, fiz o que sou pago para fazer, estar aqui e votar de acordo com o povo", declarou. Para Tiririca, o Congresso brasileiro "trabalha muito e produz pouco".

Preconceito: A um plenário esvaziado, com poucos deputados presentes, Tiririca disse ter sofrido preconceito no período em que esteve na Câmara. Na opinião dele, esse preconceito aconteceu por ele ser "humilde, do povo".

"Sofri preconceito. Ontem mesmo, ao chegar, um colega... colega, não. A gente discutiu, pensei até que ele ia me agredir. Depois, fui levantar a ficha dele e o cara é mais sujo do que pau de galinheiro, tem mais de cinco processos por desvio de dinheiro público. E aí vem falar o que, por eu ser um cara humilde, um cara do povo?”, questionou.

Tiririca também avaliou que os parlamentares são bem pagos, têm "mordomia" e, por isso, devem fazer jus à remuneração que recebem. Tiririca afirmou, ainda, andar de cabeça erguida pelos aeroportos, o que, na opinião dele, muitos parlamentares não fazem com receio da população.

"Ando nos aeroportos de cabeça erguida, mas eu acho que muitos dos senhores não têm essa coragem, de dizer que são parlamentares, porque é uma vergonha, é vergonhoso", disse.


Documentos reforçam suspeita de caixa dois de Serra, diz telejornal

Documentos enviados ao Brasil pelo governo da Suíça reforçam suspeitas de caixa dois na campanha do senador José Serra (PSDB) ao governo de

Bolsonaro amplia: outros 3 candidatos disputam 2º turno

O novo levantamento do Paraná Pesquisas, divulgado nesta quarta-feira (15), mostra o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) na liderança da

Patrimônio de Rui Costa cresce 255,8% aproximadamente em quatro anos

O patrimônio de Rui Costa (PT) cresceu em 255,7% nos últimos 4 anos, desde que o petista assumiu o governo do Estado em 2014. De acordo com a

Início dos trabalhos legislativos em Lajedão é marcado por posse

Lajedão: Na noite desta última segunda-feira (13), retornaram os trabalhos legislativos da Câmara Municipal de Vereadores da cidade de Lajedão,

Teixeira: Liminar suspende apreensão de veículos com atraso de IPVA

Após a liminar que suspendeu a cobrança de 80 por cento sobre as contas de água como taxa de esgoto, o juiz Roney Moreira, titular da Vara da

A NICA DA LIBERDADE 179

Ramiro Guedes DOLORES DURAN Deslumbrado, esse escriba termina a leitura de “Dolores Duran – A noite e as canções de uma mulher

Às vésperas da eleição, Temer vai facilitar renovação da CNH

O governo federal vai editar nos próximos dias uma medida provisória que facilita a renovação da carteira de habilitação, de acordo com a

Wagner receberá R$ 1,3 mi do fundo partidário para campanha

Tratadas como prioridade dentro do Partido dos Trabalhadores, as candidaturas ao Senado de Eduardo Suplicy (PT) e Jaques Wagner (PT) receberão uma

PF está pronta para assumir as investigações do caso Marielle

A Polícia Federal (PF) está pronta para assumir as investigações do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson

Na presença de autoridades locais a Diocese de Teixeira/Caravelas

Teixeira de Freitas: Diocese de Teixeira de Freitas faz o lançamento da Campanha “Cidade Limpa”, o evento foi realizado no auditório Dom

Nossos Apoiadores: