Em 2017, 506 servidores foram expulsos, sendo 335, ou seja 66%, por atos relacionados à corrupção, de acordo com a Controladoria-Geral da União. O número caiu em comparação ao ano passado.

O governo federal expulsou 506 servidores em 2017 por irregularidades, de acordo com relatório da Controladoria-Geral da União (CGU) divulgado nesta segunda-feira (8). Segundo o relatório, o principal motivo das expulsões foi a corrupção, em 335 dos 506 casos (66%). Abandono de cargo, ausência sem justificativa e negligência também motivaram as expulsões, segundo a CGU.

O número caiu com relação a 2016, quando foram registradas 549 expulsões – maior número desde 2003, quando o levantamento começou a ser feito. Do total de expulsos do ano passado, 424 foram demissões de funcionários efetivos, 56 cassações de aposentadorias e 26 foram destituídos de cargos em comissão. Os dados não incluem os empregados de empresas estatais como Caixa, Correios e Petrobras.

Desde 2003, o governo federal já expulsou quase 7 mil servidores. Os estados com número mais elevado de punições foram Rio de Janeiro (1.211), Distrito Federal (800) e São Paulo (716). As pastas com a maior quantidade de expulsões foram o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) – que absorveu o INSS; seguido pelo Ministério da Educação (MEC) e pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJ).

Corrupção: Entre os atos relacionados à corrupção, a CGU aponta uso do cargo para proveito pessoal, recebimento de propina ou vantagens indevidas, utilização de recursos do local de trabalho em serviços ou atividades particulares, improbidade administrativa (ato de agente público contra a administração pública), lesão aos cofres públicos e ao patrimônio nacional.

Fonte: G1

A NICA DA LIBERDADE 150

Ramiro Guedes MURILEANDO Murilo é um garotinho de 4 anos, filho do Dr. Flávio Rodrigo e D. Maria José. Educado, bem falante, super 

Posse de Cristiane Brasil é marcada para segunda-feira

A deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ) assumirá nesta segunda-feira (22) a chefia do Ministério do Trabalho. A informação foi passada ao Estadão

Com a pior aprovação, Trump encerra primeiro ano na Casa Branca

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, completará neste sábado (20) seu primeiro ano na Casa Branca com a aprovação mais baixa de um

Vídeo: Moradores destacam a importância das obras de pavimentação

Teixeira de Freitas: Nos últimos meses a Prefeitura Municipal tem trabalhado muito na infraestrutura da cidade, com a realização de várias

Temer chama de impertinente pergunta sobre ex-assessor

Investigação apura se o presidente teria beneficiado empresas portuárias O presidente Michel Temer (MDB) entregou ao STF (Supremo Tribunal

Ex-vice-prefeito de cidade na BA, que foi alvo na Lava-Jato, é morto

José Roberto Soares Vieira tinha 47 anos e foi baleado na entrada da empresa dele na região metropolitana de Salvador. ex-vice prefeito de

Petrobras baixa preço do gás de cozinha em 5% nas refinarias

O preço do botijão do gás de cozinha (GLP) cairá 5% a partir de amanhã (quinta-feira, 19 de janeiro) nas refinarias da Petrobras em todo o

Bolsonaro falta a 70% das sessões de ‘comissão militar’

Em ano pré-eleitoral, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) faltou a 70% das reuniões e audiências públicas realizadas pela Comissão de

Lula diz “querem transformar o Brasil no Caldeirão do Hulk”

Diante de uma plateia de cerca de mil apoiadores, majoritariamente da área da cultura, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sugeriu na noite

Temer determina afastamento de quatro vice-presidentes da Caixa 

Decisão é anunciada após Ministério Público e Banco Central recomendarem ao governo o afastamento dos vice-presidentes. MPF e Polícia Federal

Lecão natal
Casa das Correias
previcon
Connect Informática
Pitagoras Connect
Nossos Apoiadores: