Em 2017, 506 servidores foram expulsos, sendo 335, ou seja 66%, por atos relacionados à corrupção, de acordo com a Controladoria-Geral da União. O número caiu em comparação ao ano passado.

O governo federal expulsou 506 servidores em 2017 por irregularidades, de acordo com relatório da Controladoria-Geral da União (CGU) divulgado nesta segunda-feira (8). Segundo o relatório, o principal motivo das expulsões foi a corrupção, em 335 dos 506 casos (66%). Abandono de cargo, ausência sem justificativa e negligência também motivaram as expulsões, segundo a CGU.

O número caiu com relação a 2016, quando foram registradas 549 expulsões – maior número desde 2003, quando o levantamento começou a ser feito. Do total de expulsos do ano passado, 424 foram demissões de funcionários efetivos, 56 cassações de aposentadorias e 26 foram destituídos de cargos em comissão. Os dados não incluem os empregados de empresas estatais como Caixa, Correios e Petrobras.

Desde 2003, o governo federal já expulsou quase 7 mil servidores. Os estados com número mais elevado de punições foram Rio de Janeiro (1.211), Distrito Federal (800) e São Paulo (716). As pastas com a maior quantidade de expulsões foram o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) – que absorveu o INSS; seguido pelo Ministério da Educação (MEC) e pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJ).

Corrupção: Entre os atos relacionados à corrupção, a CGU aponta uso do cargo para proveito pessoal, recebimento de propina ou vantagens indevidas, utilização de recursos do local de trabalho em serviços ou atividades particulares, improbidade administrativa (ato de agente público contra a administração pública), lesão aos cofres públicos e ao patrimônio nacional.

Fonte: G1

PR convence Tiririca a disputar reeleição na Câmara

O PR convenceu o deputado Tiririca a disputar a reeleição, de acordo com a Coluna do Estadão. Em dezembro de 2017, ele anunciou que sairia da

Comentarista chama Rui de 'criminoso' por comparar PT a vítima de

O comentarista político Marco Antonio Villa detonou, durante participação na Rádio Jovem Pan, nesta quinta-feira (19), o governador da Bahia,

Geddel vai para área de segurança máxima da Papuda

A Vara de Execuções Penais (VEP) do Distrito Federal decidiu nesta quinta-feira (19) transferir o ex-ministro Geddel Vieira Lima e o ex-senador

Bolsonaro lidera intenções de voto no DF, mesmo com Lula

Candidato do PSL à presidência da República, o deputado federal Jair Bolsonaro lidera as intenções de voto em todos os cenários no Distrito

Área de duplicação na BA 290 está sendo preparada: Obra será

Teixeira de Freitas: A Prefeitura Municipal, através das Secretarias Municipais de Infraestrutura e Meio Ambiente, realiza ações para preparar a

Bolsonaro e Lula empatam em intenções de voto em SP, diz pesquisa

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) aparecem empatados na liderança das intenções de voto

Apuração da eleição poderá ter problemas, alerta presidente

O presidente do TRE-BA, desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano, destacou em coletiva de imprensa nesta segunda-feira (16) que a Justiça

Queda no repasse: Crise fecha Prefeitura de Belmonte por 5 dias

A queda no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) em 37% obrigou a Prefeitura de Belmonte a suspender o expediente e fechar as

A NICA DA LIBERDADE 175

Ramiro Guedes COPA DO MUNDO Deu França, batendo a Croácia, que fez um belo papel na competição. A França mereceu o título e ganhou em um

Congresso quer aumentar para R$ 38 mil salário de parlamentares

Cresce no Congresso Nacional uma articulação para elevar os salários dos deputados e dos senadores para a próxima legislatura. De acordo com a

Nossos Apoiadores: