O executivo da JBS Joesley Batista deixou a carceragem da Polícia Federal em São Paulo na noite desta sexta-feira (9). Ele foi solto por decisão do juiz Marcus Vinicius Reis Bastos, da 12ª Vara Federal de Brasília. A ordem também se estende ao executivo da J&F Ricardo Saud, que também estava encarcerado na capital paulista. 

O magistrado determinou que Joesley deposite "na sede desse Juízo Federal o seu passaporte". Bastos determinou ainda que o empresário está proibido de se ausentar do País sem autorização judicial, deve comparecer a todos os atos do processo e manter atualizados os endereços onde pode ser encontrado. De acordo com o juiz, Joesley "tem residência conhecida, ocupação lícita e colabora com as investigações, sem notícia de antecedentes que o desabone, circunstâncias que favorecem o pretendido restabelecimento da sua liberdade". "A suposta prática criminosa foi interrompida com as medidas já adotadas pelo dominus litis, nos acordos de colaboração e leniência do grupo empresarial que administra.

O risco à aplicação da lei penal há de ser afastado pela retenção de seu passaporte a proibição de ausentar-se do país, medidas suficientes, razoáveis e proporcionais à situação pessoal do Requerente", registrou. Joesley está preso desde setembro do ano passado. Ele está custodiado na Superintendência da Polícia Federal, em São Paulo. 

O empresário tinha contra si dois mandados de prisão. O primeiro, no âmbito de uma investigação sobre insider trading, já havia sido revogado em fevereiro pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). A segunda ordem de prisão havia sido expedida pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por ele ter supostamente omitido informações de sua delação premiada na Procuradoria-Geral da República. Este mandado foi enviado à 12ª Vara Federal por ordem do ministro Edson Fachin haver desmembrado. Joesley deverá colocar tornozeleira eletrônica por decisão do STJ.

Ex-governador de MG Eduardo Azeredo se entrega e é preso

O ex-senador e ex-governador de Minas Gerais Eduardo Azeredo (PSDB) se entregou às 14h45 desta quarta-feira (23) em uma delegacia de Belo

Câmara Municipal realiza sessão em homenagem aos ex-comandantes da

A Câmara Municipal de Teixeira de Freitas realizou duas sessões na manhã desta quarta-feira (23/05), sob a presidência do vereador Agnaldo

Temóteo anuncia reforma do Ginásio de Esportes Antônio Imbassahy e

Teixeira de Freitas: Uma multidão comemorou o anúncio da reforma e ampliação do Ginásio de Esportes Antônio Imbassahy, localizado no Bairro

Ex-governador Eduardo Azeredo é considerado foragido, diz Polícia

O ex-senador e ex-governador de Minas Gerais Eduardo Azeredo (PSDB) é considerado foragido nesta quarta-feira (23), de acordo com a Polícia

PSL deve apoiar Zé Ronaldo ao governo, afirma Eduardo Bolsonaro

Após optar por retirar a candidatura própria ao governo do Estado, o PSL na Bahia deve apoiar o pré-candidato do DEM, José Ronaldo, nas

Temer desiste da reeleição e anuncia apoio a Henrique Meirelles

O presidente Michel Temer anunciou nesta terça-feira (22) em evento do MDB ocorrido em Brasília, que não disputará a reeleição e apoiará a

Petrobras anuncia redução em preço de combustíveis

A partir da próxima quarta-feira (23), a Petrobras irá reduzir os preços de diesel e gasolina nas refinarias. O anúncio ocorre em meio a

Pré-candidatura de Lula à Presidência será lançada dia 27

Preso na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai lançar em 27 de maio sua

Câmara pode votar projeto com regras para criação de municípios

O Projeto de Lei Complementar (PLP) que regulamenta a criação de municípios no Brasil estará no Plenário da Câmara dos Deputados a partir

Operador emedebista confessa crime e entrega US$ 7,5 milhões

O operador do MDB Mário Miranda confessou crimes e deixou à disposição da Justiça US$ 7,2 milhões em valores repatriados - montante oriundo,

Nossos Apoiadores: