O Plenário da Câmara Deputados aprovou nesta quarta-feira (13) a Medida Provisória que cria o Ministério da Segurança Pública. Da forma como passou, o texto cria a pasta de maneira permanente, e não mais um ministério extraordinário como havia sido enviado pelo Palácio do Planalto. Após um acordo entre o governo e parte da oposição, a matéria foi votada em projeto de lei de conversão.

O texto segue agora para aprovação no Senado. Criado no final de fevereiro, pela MP nº 821/2018, o Ministério Extraordinário da Segurança Pública (MESP) passou a ser responsável por coordenar e promover a integração da segurança pública em todo o território nacional, em cooperação com os demais entes federativos. Entre as funções, a pasta também terá a atribuição de gerir o recém-criado Sistema Único de Segurança Pública. O ministro Raul Jungmann estava presente à sessão. "Nós podemos dizer que a segurança pública no Brasil tem rumo e que agora tem estrutura, tem financiamento e reúne União, Estados e municípios no combate à violência, ao crime organizado, como é o desejo de brasileiros e brasileiras", afirmou. 

Questionado sobre a criação de mais uma estrutura em meio à crise orçamentária que o País vive, o ministro defendeu a importância da pasta e disse que é possível criar uma nova estrutura remanejando cargos e usando os recursos já disponíveis no Fundo Nacional da Segurança Pública. Sobre a polêmica da retirada de recursos de Esporte e Cultura para investir na segurança pública, Jungmann afirmou que é "compreensível a reclamação", mas que alternativas estão sendo analisadas. O presidente Michel Temer assinou nesta semana uma medida provisória que transfere recursos de loterias para a segurança. A previsão para este ano é que o repasse seja de R$ 800 milhões.


Cerca de 75% dos municípios baianos demitirão servidores

Motivo é ter excedido o limite de 54% imposto pela Lei de Responsabilidade Fiscal Com dificuldade para pagar os salários e manter os serviços

Moro é exonerado do cargo de juiz para ser ministro do governo

O presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), desembargador federal Thompson Flores, assinou, na tarde desta sexta-feira (16),

A NICA DA LIBERDADEE 191

Ramiro Guedes A  PALAVRA EM A “LESTE DO ÉDEN” Ler A leste do Éden, de Steinbeck, é sempre um exercício de mergulho nas mais fundas e

Com depoimento, Lula passa a ter duas ações em fases avançadas

O depoimento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nesta quarta-feira (14) marca o encerramento de uma das últimas fases da ação penal do

Vídeo: Prefeito Temóteo assina Ordem de Serviço para asfaltamento

Teixeira de Freitas: O evento aconteceu na noite da última terça-feira 13 de novembro, na Faculdade do Sul da Bahia–FASB. A mesa foi formada

Por que Vargas criou o Ministério, que Bolsonaro quer extinguir

Vargas criou o ministério para intermediar relações entre trabalhadores e empresários, função até então do Ministério da Agricultura Caso

Vídeo: Câmara Municipal de Lajedão aprova por unanimidade Moção

Lajedão: Na sessão ordinária da última segunda-feira, 12 de novembro, o vereador Rodrigo Silva Caires apresentou uma Moção de Aplausos ao

Bahia viola LRF e ultrapassa limite de gastos com pessoal em 2017

A Bahia superou em 2017 o limite previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) de 60% da receita corrente líquida em gastos com pessoal,

Bolsonaro anuncia general do Exército Ministro da Defesa

O sétimo ministro confirmado por Bolsonaro é o general Fernando Azevedo e Silva "Bom Dia! Comunico a todos a indicação do General-de-Exército

Vice-governador de MG Antonio Andrade e outros 15 já estão soltos

Antonio Andrade foi liberado juntamente com outros 17 implicados na Operação Capitu, da Polícia Federal, que investiga organização criminosa,

UAI Brasil
O teixeirão 2018
previcon
Connect Informática
Nossos Apoiadores: