A Lei Eleitoral restringe a partir deste sábado (7) a transferência voluntária de recursos da União para os governos estaduais e municipais devido às eleições de outubro. A conduta que entra em vigor nos próiximos três meses visa evitar que atos do poder público afetem a igualdade de oportunidades entre os candidatos a cargos eletivos. Por conta da determinação, a partir deste fim de semana, o governador e pré-candidato a reeleição Rui Costa (PT) não poderá mais participar de eventos de inauguração até o resultado das urnas.

O petista participou de um dos seus últimos atos do poder público antes da proibição nesta sexta-feira (6), durante a reinauguração do centro especializado no tratamento de doenças infectocontagiosas Instituto Couto Maia (Icom), em Cajazeiras. De acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento, a unidade inaugurada ainda não tem autorização municipal para funcionar.

Uma das ações vedadas mais recorrentes na Justiça Eleitoral durante o período é a propaganda institucional. Neste período é proibida a veiculação da propaganda institucional de órgãos públicos. Ou seja, a publicidade dos atos do governo terá caráter exclusivamente educativo, informativo ou de orientação social, sem nomes, símbolos ou imagens que caracterizem promoção de autoridades. Pode ser veiculada também publicidade de produtos e serviços que disputam mercado. Por exemplo, do Banco do Brasil.

O descumprimento das proibições da Lei Eleitoral podem levar desde a anulação do ato, passando por multa para o agente público responsável pela iniciativa até a cassação do registro ou do diploma do candidato beneficiado.

Segundo o assessor da Presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Sérgio Ricardo dos Santos, a Agência Brasil , a legislação proíbe atos que possam influenciar o pleito, desequilibrando a disputa eleitoral. "Essa previsão visa trazer equilíbrio à eleição, ainda mais no cenário em vivemos em que é possível a reeleição. Quem tem a caneta na mão, no caso o governante, poderia eventualmente explorar aquele ato de uma forma não ortodoxa, incluindo aspectos que possam favorecer possíveis candidatos", argumentou.

Fonte: Bahianoticias

Congresso quer aumentar para R$ 38 mil salário de parlamentares

Cresce no Congresso Nacional uma articulação para elevar os salários dos deputados e dos senadores para a próxima legislatura. De acordo com a

Economia brasileira recua 3,34% em maio, aponta Banco Central

Após expansão em abril, a economia brasileira – ou o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), espécie de prévia do Produto

Coelba e Caixa retomam contrato: pagamentos em lotéricas voltam

Após imbróglio que envolveu até inquérito do Ministério Público da Bahia (MP-BA), a Coelba e a Caixa Econômica Federal formalizaram nesta

TRE-BA libera vídeo em que ACM Neto declara apoio a José Ronaldo

A juíza Ana Conceição Barbuda Sanches Guimarães Ferreira, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), julgou improcedente a representação feita

Prefeito se torna réu por superfaturar desapropriação em 1.600%

O prefeito de Eunápolis, no sul baiano, Robério Oliveira (PSD), se tornou réu em mais um processo judicial. É que o Tribunal de Justiça da

Eleitor tem até 8 de agosto para 2ª via do título

Os eleitores que perderam ou tiveram extraviado o título de eleitor, e que pretendem requerer a segunda via do documento foram da cidade onde

Poder Legislativo vota dia 1º de agosto as contas públicas de 2015

Teixeira de Freitas: O presidente da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, o vereador Agnaldo Teixeira Barbosa, o “Agnaldo da Saúde” (PR),

Senado autoriza volta de até 470 mil empresas ao Simples Nacional

O Senado aprovou nesta terça-feira (10), por unanimidade, um projeto que permite o retorno, ao Simples Nacional, de micro e pequenas empresas

Câmara aprova gratuidade na conta de luz para famílias de baixa

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta terça-feira (10) a isenção do pagamento da conta de luz para famílias de baixa renda. Segundo

A NICA DA LIBERDADE 174

Ramiro Guedes A ESSÊNCIA DO ATO DE VIVER Uma frase do filósofo Octávio Ianni mostra bem a importância da Literatura nas artes e nos estudos

Nossos Apoiadores: