De 35 candidatos que doaram mais de R$ 1 milhão para a própria campanha, 18 não se elegeram. Juntos eles investiram mais de R$ 114 milhões.

Arte/G1

Metade dos candidatos que colocaram mais de R$ 1 milhão do próprio bolso na campanha de 2018 não se elegeu.

Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral, 35 candidatos fizeram autodoações milionárias. Desses, 18 não conseguiram se eleger. Outros 16 venceram e 1 segue na disputa no segundo turno.

Para calcular o valor total das autodoações, o TSE também considera os recursos próprios de vices e, no caso dos senadores, os do 1º e 2º suplentes.

O valor das autodações varia de R$ 1 millhão a R$ 54 milhões. Essa última foi a quantia investida pelo presidenciável Henrique Meirelles (MDB), que ficou em 6º na disputa pelo Palácio do Planalto.

Depois do emedebista, os candidatos que mais destinaram recursos próprios às campanhas foram Carlos Amashta (PSB), que concorreu ao governo do Tocantins, com R$ 3,6 milhões, que não se elegeu; e Ibaneis (MDB), que foi para o segundo turno na disputa pelo governo do Distrito Federal, com R$ 3,3 milhões.

O cargo mais almejado pelos candidatos que fizeram autodoações milionárias é o de deputado federal: 17 dos 35 tentaram uma vaga na Câmara. Outros 13 visaram ao Senado e 4, o governo de algum estado – além de Meirelles, que buscou a Presidência.

Os 35 candidatos estão distribuídos por 16 partidos. O MDB tem o maior número, 5, seguido do Podemos e do PSB, com 4 cada um. Entre as unidades da federação, Distrito Federal e São Paulo lideram, cada uma com 4.

Dinheiro não basta

De acordo com o pesquisador Arthur Fisch, do Centro de Política e Economia do Setor Público da FGV, muitos milionários perdem porque não basta ter dinheiro próprio para vencer.

"Muita gente tinha o projeto de ser político e ganhar a eleição, pessoas que não necessariamente tinham uma base social ou faziam parte de partidos ou da política. Mas, sem o apoio de partidos, ou mesmo de movimentos, é muito difícil para um candidato se eleger só gastando dinheiro", diz Fisch.

Além disso, segundo Fisch, candidatos com menos recursos próprios conseguem dinheiro de outras formas, e podem acabar por ter uma campanha mais rica do que a de um milionário.

Concentração

As autodoações somaram R$ 334 mlhões em 2018. Desse total, R$ 115 milhões foram investidos pelos 35 candidatos que colocaram mais de R$ 1 milhão cada um. Isso significa que 0,1% das 26.830 candidaturas aptas reúnem um terço dos recursos próprios investidos por candidatos nas eleições de 2018.

Os candidatos podem financiar a campanha com recursos próprios até o limite de gastos estabelecido para cada cargo. Ou seja, não se aplica a eles o teto para doações de pessoas físicas, que é calculado com base no rendimento bruto no ano anterior ao da eleição (2017, no caso).

Limite de gastos no 1º turno destas eleições:

Presidente: R$ 70 milhões;

Governador: R$ 2,8 milhões a R$ 21 milhões, conforme o número de eleitores do estado;

Senador: R$ 2,5 milhões a R$ 5,6 milhões, conforme o número de eleitores do estado;

Deputado federal: R$ 2,5 milhões;

Deputado estadual/distrital: R$ 1 milhão.


Haddad é mais rejeitado pelos eleitores que Bolsonaro, aponta Ibope

Entre os dois candidatos à Presidência da República que disputam o segundo turno, Fernando Haddad (PT) é o mais rejeitado, conforme demonstrou

Ibope para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%

Jair Bolonsaro, candidato do PSL à Presidência da República, abriu 18 pontos de  vantagem em relação a Fernando Haddad (PT) na disputa em

Bolsonaro lidera com 59% dos votos válidos; Haddad tem 41%

O candidato à Presidência da República pelo PSL, Jair Bolsonaro, continua na liderança das intenções de voto para o segundo turno, segundo

Tribunal Superior Eleitoral tratará de fake news com WhatsApp

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai marcar uma reunião para os próximos dias com representantes do WhatsApp com o objetivo de discutir a

Igreja centenária amanhece pichada com suásticas

A centenária capela de São Pedro da Serra, em Nova Friburgo, cidade da Região Serrana distante 140 quilômetros da capital do Rio de Janeiro,

Ultimo dia para se inscrever no concurso do Banco do Nordeste

Taxa de inscrição tem o valor de R$ 59 para nível médio e R$ 67, para superior. As inscrições para o concurso do Banco do Nordeste terminam

'O eleitor decide o voto cada vez mais tarde', diz diretora do Ibope

Às 19h do domingo de eleições, assim que a votação acabou no Acre e a contagem de votos passou a ser acompanhada em todo o país, a pesquisa

Bolsonaro acusa Boulos e Gleisi de incitarem invasão em sua casa

Um vídeo feito durante uma manifestação contra  o candidato à presidência da República Jair Bolsonaro (PSL),  na Avenida Paulista, nesta

Haddad vai explorar críticas de Bolsonaro ao Bolsa Família

A campanha de Fernando Haddad (PT) vai explorar contradições de propostas apresentadas por Jair Bolsonaro (PSL), ao destacar posições

Mulheres que não receberam voto dizem que não sabiam de candidatura

Mulheres que foram registradas como candidatas na eleição deste ano e não receberam nenhum voto dizem que não sequer sabiam que estavam

UAI Brasil
O teixeirão 2018
previcon
Connect Informática
Nossos Apoiadores: