O decreto de indulto humanitário para conceder liberdade a presos portadores de doenças graves e em estado terminal está publicado no Diário Oficial da União, na seção 1, página 4. O decreto é assinado pelo presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro.

Bolsonaro assinou o decreto na semana passada, enquanto se recupera da cirurgia de reconstrução do trânsito intestinal, no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. A assinatura foi na presença do subchefe de assuntos jurídicos da Casa Civil, Jorge Antônio de Oliveira Francisco.

Direitos

O texto autoriza o indulto em casos específicos, como paraplegia, tetraplegia ou cegueira adquirida posteriormente à prática do delito ou dele consequente. A condição precisa ser comprovada por laudo médico oficial ou por médico designado pelo juiz executor da pena.

No decreto, estão beneficiados também os presos com doença grave, permanente, que, simultaneamente, imponha severa limitação de atividade e que exija cuidados contínuos que não possam ser prestados no estabelecimento penal, desde que comprovada por laudo médico oficial, ou, na falta do laudo, por médico designado pelo juízo da execução.

O indulto se estende ainda para os detentos com doença grave, neoplasia maligna ou síndrome da deficiência imunológica adquirida (Aids), desde que em estágio terminal e comprovada por laudo médico oficial, ou, na falta do laudo, por médico designado pelo juízo da execução.

Sem indulto

Há restrições no decreto, como a proibição do indulto aos condenados por corrupção (ativa e passiva), crimes hediondos, de tortura e tráfico de drogas. Também não serão libertados presos condenados por crimes cometidos com grave violência contra pessoa, por envolvimento com organizações criminosas, terrorismo, violação e assédio sexual.

Também estão vetados ao benefícios os condenados por estupro de vulnerável, corrupção de menores, satisfação de lascívia mediante presença de criança ou adolescente e favorecimento da prostituição ou de outra forma de exploração sexual de criança, adolescente ou de vulnerável.

O decreto proíbe ainda o indulto aos condenados por peculato, concussão e tráfico de influência. A medida também exclui aqueles que tiveram a pena privativa de liberdade substituída por restritiva de direitos ou multa, que tiveram suspensão condicional do processo e nos casos em que a acusação recorreu após o julgamento em segunda instância.

De acordo com o texto, não vai ser concedido indulto para aquele que, condenado, não cumpriu a pena correspondente ao crime impeditivo do benefício.

Defensoria Pública

A lista de pessoas com direito ao indulto deverá ser encaminhada à Defensoria Pública, ao Ministério Público, ao Conselho Penitenciário e ao juízo da execução pela autoridade que detiver a custódia dos presos.

O decreto informa que o indulto poderá ser concedido ainda que a sentença tenha transitado em julgado para a acusação, sem prejuízo do julgamento de recurso da defesa em instância superior e que não tenha sido expedida a guia de recolhimento.

O indulto não é aplicável se houver recurso da acusação de qualquer natureza após o julgamento em segunda instância.

Fonte: Agência Brasil


Rodrigo Maia “paga promessa” e visita a Fundação Dr. Jesus

Uma semana depois de conduzir a votação que levou à aprovação da reforma da Previdência, em primeiro turno, na Câmara Federal, o presidente

Caravelas investe em capacitação e treinamento para servidores

O curso, com carga horária de quarenta horas, está sendo ministrado pelo Instituto de Psicologia, da Universidade Federal da Bahia (UFBA), entre

Rui Costa sobrevoa áreas atingidas por rompimento de barragem

O governador Rui Costa voltou a visitar, neste domingo, 14, os municípios de Pedro Alexandre e Coronel João Sá, atingidos pelo rompimento da

Morre mãe da ex-presidente Dilma Rousseff

A mãe da ex-presidente da República Dilma Rousseff (PT), Dilma Jane da Silva, morreu na manhã de hoje, 13, em Belo Horizonte aos 96 anos. A

Prefeitura realiza podas de árvores como medida preventiva

A Prefeitura Municipal de Teixeira de Freitas, através da Secretaria de Meio Ambiente, realiza um trabalho preventivo de podas de árvores em

Secretaria de Assistência Social faz entrega de cobertores a

Teixeira de Freitas: Na noite desta quarta-feira (10) a equipe da Secretaria Municipal de Assistência Social esteve em diversos pontos do

Bolsonaro participará de inauguração de aeroporto na Bahia

Em sua primeira visita à Bahia, o presidente Jair Bolsonaro marcará presença na inauguração do Aeroporto Glauber Rocha, em Vitória da

Câmara aprova em 1º turno texto-base da reforma da Previdência

A reforma da Previdência, promovida pelo presidente Jair Bolsonaro, foi aprovada nesta quarta-feira, 10, na primeira das duas votações na

NOVO REFIS: Prefeito encaminha Projeto de Lei à Câmara para a

Teixeira de Freitas: O prefeito Temóteo Brito encaminhou para a Câmara Municipal de Teixeira de Freitas o projeto de lei que dispõe sobre a

Inaugurado o posto eleitoral em São José de Alcobaça

A iniciativa é da Prefeitura de Alcobaça, em parceria com o Tribunal de Justiça da Bahia, por meio dos serviços da 112ª Zona Eleitoral. O ato

Nossos Apoiadores: