A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou, em 2014, resolução que considera a psoríase uma doença crônica e incapacitante. No entanto, ainda hoje os pacientes brasileiros não contam com todos os tratamentos disponíveis, seja via Sistema Único de Saúde (SUS) ou planos privados de assistência. De acordo com o dermatologista Gleison Duarte, os procedimentos de alto custo não entram no rol do SUS ou da Agência Nacional de Saúde (ANS).

"Os pacientes não conseguem pagar, são tratamentos bastante caros. Quando há a possibilidade, eles acessam judicialmente, seja na rede pública ou privada", afirmou. O especialista lembrou que o tratamento é de uso contínuo, já que a doença não tem cura. Neste domingo (29), é celebrado o Dia Mundial da Psoríase, uma doença de pele que se caracteriza por lesões avermelhadas que descamam.

A incidência é maior no couro cabeludo, cotovelos e joelhos. Devido a esses sintomas, os portadores ainda sofrem com uma consequência indireta, o preconceito. O Relatório Mundial sobre Psoríase e Felicidade (RMPF), divulgado pelo Instituto de Pesquisa da Felicidade, na Dinamarca, mostrou que 54% das mulheres e 28% dos homens brasileiros que vivem com psoríase sentem ansiedade e tensão psicológica. Uma das principais razões do preconceito é o medo de contágio, que não acontece nessa enfermidade.

"O preconceito pode comprometer completamente a vida profissional e afetiva das pessoas", lamentou Duarte. "A psoríase não é transmissível ou contagiosa. É uma doença crônica relacionada a uma desregulação do sistema imune, responsável por nos defender. Nas doenças autoimunes, o sistema acaba combatendo o próprio corpo", explicou. No Brasil, aproximadamente 5 milhões de pessoas são portadoras de psoríase.

Disfunções sexuais masculinas: As mais e menos recorrentes

O que caracteriza uma disfunção sexual? É quando há o bloqueio ou impedimento de uma resposta sexual, conforme o esperado. É uma incapacidade

13º BEIC iniciará projeto piloto de “Equoterapia” gratuita para

Será realizada no dia 22 de fevereiro, às 14 horas, no auditório do 13º Batalhão de Ensino, Instrução e Capacitação, uma reunião

Consumir carboidratos à noite engorda: mito ou verdade?

Você já deve ter escutado que consumir carboidrato à noite engorda e que para emagrecer este item deve ser retirado do cardápio diário. Será

Bahia começa hoje vacinação fracionada contra febre amarela

A Secretaria de Saúde da Bahia inicia hoje (19) a vacinação fracionada contra a febre amarela. A meta é imunizar até o dia 9 de março pelo

Novo antibiótico encontrado na 'poeira' é combate superbactéria

Compostos naturais foram capazes de debelar uma série de doenças bacterianas que se tornaram resistentes à antibióticos Pesquisadores da

Nutrição: Mulheres grávidas precisam de calorias extras

O feto em formação exige do organismo da mãe um volume maior de nutrientes, que ainda ajudam na prevenção de doenças futuras Durante a

Felicidade: esta é a melhor decisão que você pode tomar na vida

Algumas pessoas possuem uma habilidade natural para reinterpretar experiências de um modo positivo Os cérebros conversam entre si sem que a

Testes rápidos detectam 14 casos de HIV em foliões no Carnaval

Quatorze casos de HIV foram detectados através do teste rápido que tem sido realizado nos circuitos do Carnaval na capital baiana e em Porto

Transfusões de sangue para retardar a velhice são moda nos EUA

O sangue dos mais jovens é capaz de rejuvenescer os mais velhos? Milionários americanos acreditam nessa hipótese O sangue dos mais jovens é

Aprenda dicas para usar banheiros químicos e públicos no Carnaval

Durante a folia, banheiros públicos e banheiros químicos escondem inimigos que podem acabar com a sua festa; saiba como se proteger Você está

Nossos Apoiadores: