Estima-se que 5 milhões de mortes por ano em países de média e baixa renda sejam resultado de atendimento médico precário, de acordo com o primeiro estudo para quantificar o impacto de sistemas de saúde de má qualidade em todo o mundo. O número ultrapassa as mortes por falta de acesso aos sistemas de saúde (3,6 milhões).

Os resultados foram publicados pelo jornal científico "The Lancet". Ela foi conduzida pela Comissão de Saúde Global de Alta Qualidade, um projeto do próprio jornal científico que tem duração prevista de dois anos. Financiada pela Fundação Bill e Melina Gates, ela reúne 30 acadêmicos, formuladores de políticas e especialistas em sistemas de saúde de 18 países que estudaram como medir e melhorar a qualidade dos sistemas de saúde em todo o mundo.

Embora muitos dos países de baixa e média renda tenham feito progressos significativos na melhoria do acesso aos serviços de saúde, o estudo mostra que o atendimento precário no sistema de saúde é agora responsável por um número maior de mortes do que a falta de acesso. Falta de respeito, consultas rápidas e falhas, e preconceito estão entre principais problemas listados pelos pesquisadores.

Estima-se que o número total de mortes por cuidados de baixa qualidade por ano seja cinco vezes maior do que as mortes globais anuais por HIV/AIDS (cerca de um milhão) e mais de três vezes maior que as mortes por diabetes (1,4 milhão).

"O direito humano à saúde não tem sentido sem um atendimento de boa qualidade. Sistemas de saúde de alta qualidade colocam as pessoas em primeiro lugar. Elas geram saúde, conquistam a confiança do público e podem se adaptar quando as necessidades de saúde mudam. Os países saberão que estão a caminho de sistemas de saúde de alta qualidade ​​quando os profissionais de saúde e os formuladores de políticas escolhem receber cuidados de saúde em suas próprias instituições públicas."


Cirurgião do HMTF fala sobre melhorias na Unidade e novos

Teixeira de Freitas: O jornalismo do Liberdade News conversou com o Dr. Manoel Francisco, medico cirurgião, na manhã da última sexta-feira, 09

Lente: Infecção pode causar cegueira e até perda do globo ocular

Ceratite por Acanthamoeba é causada por protozoário encontrado na água Em 2016, em um dia de jogo do seu time do coração, o Atlético

Dr. Rey se oferece para ministro da Saúde em visita a Bolsonaro

O cirurgião plástico e apresentador Robert Rey chegou ao condomínio onde mora o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), na zona oeste do Rio,

Alcobaça reinaugurou o Centro de Especialidades Odontológicas

A unidade é referência no atendimento da saúde bucal no município, com a oferta de serviços odontológicos especializados no tratamento de

Risco de infarto aumenta mais em mulheres que fumam ou tem diabetes

Embora o risco de infarto seja menor em mulheres, certos fatores de risco parecem ter um impacto maior sobre elas As mulheres que fumam, sofrem de

A pílula anticoncepcional pode mesmo mudar a forma do seu corpo?

Os pesquisadores não encontraram evidências de que a pílula engorda - mas descobriram que ela pode alterar a forma do corpo da mulher Ela já

Preenchimento peniano: Conheça os riscos da técnica para aumentar

Abdul Hasan diz que o preenchimento peniano o fez se sentir um 'novo homem' Preenchimentos penianos, feitos para aumentar a circunferência do

Pessoas diurnas têm menor risco de sofrer de câncer de mama?

As mulheres que têm uma predisposição natural para acordar cedo apresentam menos risco de desenvolver câncer de mama. É o que afirmam

Morre uma das gêmeas siamesas que nasceram unidas pelo tórax

Uma das gêmeas siamesas que nasceram unidas pelo tórax morreu na manhã desta terça-feira (6), em Salvador. A pequena Débora sofria com

Eunápolis tem 176 casos de escorpiões; produtor achou 7 em 2h

De janeiro a novembro de 2018, o município de Eunápolis, no extremo sul da Bahia, registrou 176 casos de ataques de escorpiões, segundo dados

UAI Brasil
O teixeirão 2018
previcon
Connect Informática
Nossos Apoiadores: